Localizado a partir da confluência das duas principais vias do bairro de São Francisco (Avenidas Rui Barbosa e Presidente Roosevelt), o bairro de Cachoeiras estende-se até o Largo da Batalha sendo, do ponto de vista geográfico, o fundo do vale situado entre as encostas do Cavalão e do Morro de Santo Inácio. Cachoeiras limita-se com Viradouro, Largo da Batalha, Maceió, Cafubá e São Francisco tendo sido criado pela Lei nº 4895 de 08.11.96.

Cortando o vale entre os dois morros já citados, existia um caminho que ligava São Francisco/Cachoeiras ao Largo da Batalha e, daí, seguia em direção ao interior do estado interligando-se à estrada Velha de Maricá. Este caminho recebeu posteriormente a denominação de Estrada da Cachoeira, pois nele existe um rio que desce do Largo da Batalha em direção à praia do Saco de São Francisco pela encosta íngreme e que, em outras épocas, formava uma cachoeira.
Esta estrada, apesar de muito íngreme e de difícil conservação teve um papel econômico relevante no transporte de mercadorias (tropas de mulas) e viajantes. Com a expansão da cidade para novas áreas, outros caminhos/estradas passaram a ser utilizados, entre eles o que sobe o Morro do Viradouro (Garganta) a partir de Santa Rosa em direção ao Largo da Batalha. Assim a estrada da Cachoeira deixou de ser conservada, ficando num estado tão precário que esteve intransitável por um tempo. Só recentemente, a estrada passou processos de urbanização e ampliação, tornando-se importante via de comunicação para as Regiões de Pendotiba e Oceânica.

Ligado por razões urbanas e históricas ao bairro de São Francisco, Cachoeiras difere deste não só no traçado interno de suas ruas – não apresentando a forma tabuleiro de xadrez comum àquele bairro – como também por apresentar alternância entre os tipos de residência, existindo o contraste entre as casas de padrão construtivo que variam do médio (residências do moradoras mais antigos), passam pelo elevado (casas em condomínios) e confundem-se com as auto-construções, quase sempre na encosta. Essas residências eram erguidas em terrenos de posse,encontrando-se atualmente com suas áreas mais acessíveis bastante ocupadas.

CARACTERÍSTICAS ATUAIS E TENDÊNCIAS:

Interessante observar no bairro de Cachoeiras que apesar da ocupação da encosta, esta preserva ainda parte de sua cobertura vegetal. Em contrapartida, do ponto de vista da preservação ambiental, o córrego que corta o bairro encontra-se poluído, sendo usado como esgoto a céu aberto e depositário de vários tipos de entulhos. Quanto ao abastecimento d’água, só há canalização para os domicílios até a área próxima à Escola Estadual Duque de Caxias. A parte alta do bairro não dispõe ainda desse serviço.

O comércio é pouco significativo e se restringe aos bares e pequenas mercearias onde são vendidos gêneros de primeira necessidade. Existem ainda algumas oficinas mecânicas, serralherias e, mais recentemente, uma revendedora de automóveis importados. Encontra-se também no bairro a sede da empresa de ônibus que liga o local ao Centro da Cidade. O poder público encontra-se representado, na esfera municipal, por uma escola de primeiro grau e pelo sub-posto de saúde de Cachoeiras, além da Escola Estadual citada anteriormente.

Quanto ao lazer e práticas desportivas há de se assinalar a utilização da quadra da escola de samba local para realização de eventos sociais variados, bem como do campo de futebol, responsável pela realização de jogos de caráter regional.

Por sua localização, entre dois importantes eixos viários, o bairro de Cachoeiras apresenta tráfego intenso em determinados horários do dia e nos finais de semana acarretando engarrafamentos, principalmente em sua via principal.

Leave a Reply